Watchmen é Ótimen!!!

Publicado: 08/03/2009 em cinema, HQs
Lembro como se fosse ontem todo o extase que senti ao ver pela primeira vez The Dark Knight: tudo era perfeito, intenso e realista, sem duvida uma experiência inesquecivel oferecida por Nolan, Bale, Ledger e cia. Na época (releia aqui), achei TDK insuperavel como melhor EVER filme de supers do mundo, hoje ele é o segundo melhor, o segundo depois da primorosa, genial e épica adaptação da OBRA MAXIMA DA HISTÓRIA DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS: WATCHMEN!!!!!!!!!!

Faltam palavras e sobram palavrões para descrever tudo que as quase três horas de puro delirio nerd me proporcionaram: tudo funciona naquela porra! As lutas são ultra-violentas, com direito a mutilação e tudo, a sonoplastia é assustadora,a trilha fantástica, figurino impecavel, mas putaquepariu, as interpretações são mágicas: destaques para Jeffrey Dean Morgan como o filhadeumabitch do Comediante e Jackie Earle Haley como o psico do Rorschach. Tudo costurado a trama celeste do mestre Alan Moore (que tanto repudiou a produção do filme)

WATCHMEN em poucas palavras pode ser descrito como uma analise realista da existência de super-heróis (ou melhor: vigilantes mascarados) e sua influência no contexto politico e histórico do mundo. Com exceção do Todo-Poderoso Dr Manhattan, os personagens de WATCHMEN não tem super-poderes e nem tão pouco são benfeitores politicamente corretos: são um reflexo distorcido da humanidade. Os “heróis” de WATCHMEN mentem, matam, estrupam e destroem tudo aquilo que os desagradam. Estão acima da Lei, são “hérois” afinal. Muito alem dos conceitos maniqueístas, pedra basilar dos quadrinhos, WATCHMEN é a desconstrução de tudo que lemos e sabemos sobre super-heróis. Se realmente existissem homens de capa e máscara coloridas por aí defendendo as ruas do crime, eles seriam assim.

Não é um filme pra qualquer um. Não é o tipo de filme que sua tia-avó vá gostar, não é o tipo de filme que sua namorada vá entender. Definitivamente não é um filme pra crianças (e tinham várias lá ontem…), e se você não se empolga com histórias de super-heróis e talz nem tente. O mundo pode ainda não estar preparado para entender a obra-prima de Alan Moore, e talvez nunca esteja. Essa história não foi feita pra todos, foi feita para caras como eu e como você, leitor/ leitora do SVEJA (ou cerveja, se preferir 8D), para jovens ainda…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s